Sobre o Projeto / Apresentação

Apesar da atual cultura humana não saber disso, a língua lusitana tem vinculações espirituais, enquanto a sânscrita se encontra conectada a outras faixas alternativas de realidade, situadas no universo antimaterial, paralelo ao que vivemos.

As línguas basca e uma outra do mesmo ramo linguístico, que aqui vou chamar de “druida” (atualmente extinta), foram elaboradas de modo a abraçar ou a atender às duas situações citadas acima.

O surgimento de Portugal como nação, sob os auspícios dos ideais templários, trazia consigo uma nova tentativa de globalizar o planeta por meio de uma cultura atrelada à língua lusitana, o que implicava, necessariamente, um império, o que é sempre lamentável. Entretanto, tem sido assim que a humanidade tem caminhado, inevitavelmente, propiciando condições para que o “mais forte” de cada momento histórico, domine o “mais fraco”, e assim surge o aspecto sociopolítico predador do modus operandi dos impérios.

Temas Pontuais

Alguns dos temas que serão abordados no Farol Lusitano
  • O Mistério do DNA dos Descendentes de Noé.

  • As Marcas Lusitanas no DNA Humano!

  • O Mistério da Língua Portuguesa e seu Significado Profundo.

  • O passado esquecido da língua portuguesa.

  • Excepcional poder poético;

  • O Enigma das Primeiras Linguagens.

  • O Enigma histórico-genético-espiritual da linguagem.

  • Vieses politico, filosófico e poético da língua portuguesa (a questão do muito obrigado).

  • Conteúdos profundos – o “eu” narrativo sobre si mesmo;

  • “Outrar-se” – tornar-se o que deve (espiritualmente) ou pode (circunstâncias do caos) vir a ser. 

  • Historiadores, Temas Ancestrais e Linha do Tempo: o que é história, o que é mitologia, indícios, lendas e “mitologia portuguesa” de Bernardo de Brito.

  • O Império que não se cumpriu!

  • O Incompreendido Quinto Império Português. 

  • A Meia-hora Apocalíptica e o Quinto Império – Analogia Imprópria!

  • Verdades agora Perdidas.

  • O Homem de (Foz) Coa!

  • Dna, Fox2, HAR1, lirismo, base da língua portuguesa e provavelmente basca.

  • O Livro Homoafetividade.

  • Os Milesianos, o Druidismo e a Península Ibérica. 

  • “Notícias Templárias” sobre Portugal e Brasil que jamais foram dadas.

  • O Legado dos Templários.

  • Mitos Mal-contados.

Autores / Farol Lusitano

Rui Fonseca

António Rui Arrepia Fonseca nasceu no ano de 1957, em Vila Nova de Foz-Côa. Licenciado em Filosofia, pela Universidade do Porto - Portugal.

 

Livros do Autor:

  • Desejos de Amar o Porto

  • Portugal e o Quinto Império Por Cumprir

  • Voos de Poesia à Beira da Vida –, em conjunto com outros poetas

  • O Primado da Reencarnação 

  • No Profundo da Alma Lusitana

  • Num Só Poema O Acto Contínuo da Criação

  • Entre O Hoje E O Amanhã – 2011, em conjunto com poetas do Portugal Poético.

  • Vila do Conde, Imagens Poéticas

  • Quem Tramou Os Templários

  • Haja Coragem

Mais Informações
Jan Val Ellam

Com 40 livros publicados no Brasil até o momento, tem se revelado como o escritor mais contundente sobre temas tidos como sagrados que estão sendo resgatados de um passado esquecido, que antes se encontrava oculto, o que torna o seu trabalho único.

  • Autor do “Projeto Orbum” - Manifesto da Cidadania Planetária.

  • Formulador do Instituto de Estudos Estratégicos e Alternativos — IEEA .

  • Programas na Rádio Atlan: Projeto Orbum, Acompanhando o Mundo, Reinvenção da Vida, Mitos e Conspirações, Para Onde Caminha a Humanidade, Imagens e Reflexões, Livros que fazem Pensar.

  • Formulador do Instituto de Estudos da Política Planetária – IEPP .

  • Formulador do Projeto MENTALMA – A Yoga do Cotidiano (Ciclo de Cursos -Palestras).